Promoção!

o tempo é renda

“É poesia ou prosa? É o hibridismo entre plasticidades, narrativas diferenciadas. Isabel Mendes Ferreira leva a possibilidade da excelência ao extremo e reconduz-nos a uma reflexão mais densa.


20,00 18,00

Em stock

REF: 0010 Categoria: Etiquetas: , ,

Ficha Técnica

Colecção

Coordenação Gráfica

Ricardo Campos

Consultor Artístico

Hugo Bernardo

Edição

Junho 2014

Páginas

344

ISBN

Depósito Legal

377467/14

Sobre o Autor

Isabel Mendes Ferreira

Isabel Mendes Ferreira

Isabel Mendes Ferreira escritora, poetisa, pintora, editou o primeiro livro de poesia em 1982: Sobre as Ervas um corpo de Junho, a que se seguiu, pela Bertrand, Um Nocturno de Bach e um Relâmpago no Olhar, continuando com Um Corpo (sub) Exposto na Imprensa Nacional. Em 1984 estreia-se na área da ficção com o livro de contos A Mais Loura de Lisboa, saído na Difel. Em 1990 volta à poesia com A Pele na Presença, Ponto Final, edição da Átrium, Cantochão e Vermelho Doce, pela Produce. O retorno à escrita ocorre em 2010 com As Lágrimas Estão Todas na Garganta do Mar, edição da Babel e participação em duas antologias. Ilustrações do À Mesa do Amor, de Joaquim Pessoa e os textos do a. des.escrever esta língua que me é mar, em co-autoria com José Rodrigues editado no final de 2010 pela Câmara Municipal de Cascais.


As palavras nestes textos poético-narrativos, deflagram por todos os lados dos vocabulários que conhecemos e dos que não conhecemos.
Por vezes, as palavras explodem como uma torrente de água, com tanto poder, que esmaga qualquer hipotética linguagem imaginária.
O título, o tempo é renda, remete-nos para as entrelinhas e os interstícios desta magia que é o quotidiano do tempo, tal como um metrónomo híper-vigilante.

Mas, IMF é uma outra postura dentro do quadro da narrativa poética que a Academia deveria ler e comentar.”  Cecília Barreira

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “o tempo é renda”